Skip to content

Londrina e região fecham bares durante período do Carnaval

Decreto coletivo com Cambé, Ibiporã e Rolândia proibirá venda de bebidas alcoólicas em estabelecimentos comerciais, reuniões e eventos com mais de 10 pessoas

Telma Elorza

O LONDRINENSE

Em coletiva na tarde desta segunda-feira (8), o prefeito de Londrina Marcelo Belinati (PP) afirmou que assinará ainda hoje um decreto com a volta da Lei Seca, proibição de reuniões e eventos com mais de 10 pessoas e de esportes coletivos. Qualquer evento alusivo ao Carnaval também fica proibido. O decreto entrará em vigor na na sexta-feira e valerá até quinta-feira da próxima semana, podendo ser prorrogado. Segundo o prefeito, as cidades de Cambé, Ibiporã e Rolândia também terão decretos similares. A medida é para conter a transmissão da covid-19, que está esgotando os leitos de hospitais do Município e a decisão foi tomada em uma reunião entre os prefeitos nesta tarde.

Na manhã desta terça, a diretoria do Hospital Universitário da Universidade Estadual de Londrina (HU/UEL) divulgou nota afirmando que os leitos de enfermaria exclusivos para covid-19 está com 110% da ocupação e 95% de UTIs Covid. O HU/UEL tem 80 leitos UTI exclusivos para covid-19, sendo 66 adultos e 14 pediátricos, e 146 leitos de enfermaria. Leitos gerais de UTI e enfermaria são 41 e 177, respectivamente. Os 10% a mais de ocupação de covid foram direcionados para esses 177 leitos de enfermaria, segundo a assessoria do hospital.

O decreto mantém o ponto facultativo dos servidores municipais durante o Carnaval.

Veja o decreto na íntegra:

Foto: Arquivo/O LONDRINENSE

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.