Primavera dos Museus apresenta documentário sobre a história do Museu de Arte de Londrina

Interessados em assistir a documentários sobre a antiga rodoviária de Londrina e participar de bate-papos podem se inscrever pelo site da Unifil

O LONDRINENSE com Assessoria

Para os amantes de história e aqueles que gostam de saber mais sobre os espaços públicos da cidade, a 15ª Primavera de Museus apresentará nesta quinta-feira (23), a partir das 14h, o documentário “Idas e Vindas: memórias da Antiga Rodoviária/Museu de Arte de Londrina”. O documentário será transmitido pela internet, por meio da Plataforma Google Meet, pelo link: https://meet.google.com/eqw-oxuw-uzd e após sua apresentação haverá um bate-papo sobre ele. Quem quiser participar pode se inscrever pelo site da Unifil, no link: unifil.br/eventos

O vídeo foi gravado no atual Museu de Arte de Londrina, cujo prédio já abrigou a quarta rodoviária da cidade. Projetada pelos arquitetos João Batista Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi, a construção começou em 1948 e terminou em 1952. Em 1974, foi tombada e considerada o primeiro prédio público de arquitetura moderna do Paraná. O Museu de Arte/antiga rodoviária fica no quarteirão da Rua Sergipe, entre as Avenidas São Paulo e Rio de Janeiro, região central de Londrina.

Divulgação

Para mostrar essa história e o relato de quem vivenciou momentos especiais e marcantes nesse espaço público, o documentário apresenta o sr. Rubens Couza. Ele trabalhou como motorista e cobrador de ônibus durante os anos, em que ali funcionou a rodoviária. Devido à profissão, sr. Couza passou diversos momentos trabalhando, circulando e se divertindo com a família e, no vídeo, conta como era a época em que o espaço vivia lotado de pessoas que iam e vinham das mais diversas regiões do Brasil. Ele inclusive mostra uma fotografia tirada na época. Esse documentário contou com a parceria do Núcleo de Produção Digital de Londrina, que emprestou equipamentos de audiovisual para o registro, e com a Secretaria Municipal do Idoso, por meio do projeto Tecer Idades, do qual sr. Rubens Couza participa.

Além dele, outro documentário será transmitido pelo mesmo link do Google Meet. Esse último foi feito em parceria com a Universidade Estadual de Londrina (UEL), pelo Programa Universidade Aberta à Terceira Idade (Unati) da rádio UEL. O documentário traz trechos dos depoimentos dados por idosos integrantes do Projeto Tecer Idades. Entre eles estão as protagonistas Lia Salvany, Kiyomi Yamada, Clem Colito e Luiz Gonzaga da Silva.

Juntos, eles falam sobre a época da antiga rodoviária e contam como era Londrina nas décadas de 50, 60 e 70 com suas plantações de café. Uma das protagonistas desse documentário traz a lembrança recente de uma exposição que participou no local, que já sediava o Museu de Arte.

Sobre o Museu de Arte de Londrina – Durante a gestão do prefeito Marcelo Belinati, em 31 de julho de 2020, após sete meses de trabalhos e investimentos de R$ 1,2 milhão, a Prefeitura de Londrina apresentou as obras de restauração do Museu de Arte de Londrina. Na oportunidade, o local recebeu intervenções no telhado e esquadrias metálicas, pintura completa, adequação dos equipamentos de segurança, piso externo e calçada, troca de calhas e rufos, substituição total de vidros, para permitir maior conforto térmico, novos corrimãos e guarda-corpos, instalação de placas de sinalização, impermeabilização de coberturas, muros e paredes, entre outras. Mais informações sobre as obras podem ser lidas aqui.

Primavera dos Museus –  A cidade de Londrina participa da 15ª edição da Primavera dos Museus, que faz parte de um programa do Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM). Todos os anos, várias ações são realizadas em museus e em instituições culturais, para divulgar e atrair a participação do público para as ações culturais. A programação completa das atividades desenvolvidas em Londrina está disponível no blog de notícias da Prefeitura de Londrina (https://blog.londrina.pr.gov.br/?p=108254).

Foto: Emerson Dias

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *