Skip to content

Eles passam a vida visitando locações de filmes

Juliana e Roberto Miyoshi levam uma vida de sonho: viajam o mundo conhecendo locais que serviram de cenários para filmes de sucesso

Telma Elorza

Equipe O LONDRINENSE

Eles têm a vida que a maioria das pessoas gostaria de ter: passam boa parte do ano viajando para conhecer locais que foram cenários de filmes e séries de sucesso. Juliana (33) e Roberto de Carvalho Miyoshi (43) mais o filho Theo (2) já viajaram – e registraram – mais de 15 países nos últimos dois anos. O trio mora no Rio de Janeiro e estão hoje no O LONDRINENSE porque viram a matéria sobre os mapas medievais do Rodrigo da Silva Ferreira (leia aqui), entraram em contato e ficaram amigos. A história do casal despertou nossa atenção.

Quem assistiu Friends, vai reconhecer esse prédio (Foto: Acervo Pessoal)

Os dois sempre foram apaixonados por cinema. Em 2015, Roberto presenteou a esposa com uma passagem para Nova York. “Eu nunca tinha ido, mas ele já. Mesmo assim, pediu para eu fazer o roteiro”, conta Juliana. Ela diz que só conseguiu pensar nos locais que apareciam nos filmes. Ele acabou conhecendo Manhattan de uma forma diferente e adorou. “Quando voltamos ao Brasil ficamos empolgados em fazer de novo, mas o Movie Places só foi concretizado mesmo no final de 2017, quando decidimos fazer outras viagens com roteiro cinematográfico. De lá pra cá já foram mais de 15 países”, conta.

Na Irlanda do Norte, em um cenário de Games of Thrones (Foto: Acervo Pessoal)

O Movie Places (Cine & Travel) é o site onde os dois registram todas as viagens, roteiros, cenários e dão dicas para quem quer conhecer os locais com toda comodidade, além de como chegar e opções de hospedagem. Eles fazem uma viagem a cada três meses, pelo menos. “Roberto e Theo têm férias duas vezes por ano e são nestes momentos que fazemos as viagens mais longas. As demais fazemos a cada três meses, porém de curta duração, num final de semana prolongado por exemplo. A logística requer meses de planejamento para otimizarmos ao máximo nosso tempo. Já saímos de casa com tudo organizado, com informações sobre os lugares, detalhes históricos, caracterizavas regionais e tudo que precisamos saber”, conta.

As viagens mais longas duram, em média, 15 dias. “Tudo depende muito da complexidade da obra, se há muitas filmagens externas e se são de fácil acesso. Game of Thrones é um exemplo de série com muitos locais para visitar. Em média, ficamos três dias em cada cidade. Montamos um roteiro otimizado”, explica. Quando região é muito vasta, eles estendem o período das férias um pouco mais, como foi o caso da Toscana, Itália. “Nossa última viagem fizemos Milão, Verona, esticamos até San Marino e descemos rumo a famosa Toscana. Esse material ainda irá para o ar”, antecipa.

No hotel do casamento da Robin e do Barney na série How I Met Your Mother (Foto: Acervo Pessoal)

Mas antes de partir para qualquer lugar do mundo, eles fazem toda uma pesquisa para chegarem ao local preparados. “Como também somos apaixonados por história, sempre fazemos pesquisa antes de viajarmos, assim, em nossos posts, além de ver locais eternizados pela sétima arte, sempre sera possível encontrar informações históricas, curiosidades regionais. Tentamos fazer um roteiro completo”, explica Juliana.

A decisão de viver de suas viagens foi um processo. Roberto e Juliana sofrem com depressão e as viagens dão forças para lutarem contra a doença. “Eu sou formada em farmácia, trabalhei como gestora por 10 anos, até que percebi que deveria lutar para realizar meus sonhos, então passei a me dedicar integralmente a este projeto. O Roberto ainda trabalha como analista de TI (Tecnologia da Informação) mas os planos são de ambos vivermos desse trabalho, nosso maior sonho”, diz.

No começo, os dois bancavam integralmente as despesas das viagens. “Graças a Deus já estamos conseguindo algumas parcerias, além de campanhas. Também estou escrevendo um livro, onde conto nossa história”, diz. Os meses que passam no Rio de Janeiro servem também para atualizar toda a vida, inclusive as mídias envolvidas no processo. “Além do site, nós temos um canal no YouTube onde postamos nossas viagens, temos uma fanpage no Facebook com mais de 50 mil seguidores e perfil no Instagram com outros 38 mil seguidores”, conta.

A próxima viagem? “Nós temos um desejo muito grande de voltar ao Reino Unido e fazer um roteiro completo de Harry Potter e da série Vikings que, por mais incrível que pareça, não é filmada nos países nórdicos como Noruega e Dinamarca e, sim, na Irlanda do Norte e num estúdio em Dublin”, diz.

Foto de capa: A casa usada no filme Sob o Sol da Toscana (Acervo Pessoal)

Compartilhar:

1 comentário

  1. Que felicidade ver a nossa história sendo contada!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.