Por Fábio Luporini “Tem dias que eu fico pensando na vida e sinceramente não vejo saída. Como é, por exemplo, que dá pra entender, a gente mal nasce começa a morrer”. A canção, na voz de Vinicius de Moraes, Miúcha e Chico Buarque soa quase que como um questionamento filosófico.Leia mais

Compartilhar:

OMS decidiu incluir o termo em nova classificação internacional Agência Brasil Ex-atleta profissional de futebol, o psicólogo Luis Fernando Silveira, hoje com 59 anos, segue disputando suas “peladas” semanais com amigos. A maioria está na mesma faixa etária e o conhece desde os tempos em que ele defendia clubes como o SãoLeia mais

Compartilhar:

As novas gerações vem enfrentando a dificuldade entre prestar o auxílio aos pais idosos e administrar as próprias vidas Fabio Bomfim da Silva O LONDRINENSE Quem nunca se pegou pensando no passado, lembrando do colo aconchegante do pai ou da mãe? Buscando, na lembrança, reviver aquele momento em que umLeia mais

Compartilhar:

O Brasil não é mais um país de jovens. No máximo um “pais jovem de cabelos brancos”, como disse Alexandre Kalache, geriatra brasileiro com assento na OMS. A população brasileira, assim como a do Paraná e a de Londrina, vem envelhecendo. Pelas normas da OMS consideram-se pessoas idosas, em paísesLeia mais

Compartilhar: