Paralisação ocorreu porque não receberam parte do salário Telma Elorza Cerca de 200 motoristas das empresas de transportes coletivo TIL e Grande Londrina cruzaram os braços na manhã desta sexta-feira (23), em Londrina. De acordo com as informações recebidas pelo O LONDRINENSE, os motoristas pararam porque não teriam recebido oLeia mais

Compartilhar: