Rogério Fischer (*) Desde o ano passado, mais precisamente a partir da morte de João Gilberto, em julho, que ensaio escrever algo nessa espelunca de modo a implorar a nossos artistas que abandonem o quanto possível a ideia de nos deixar. Porque, penso, pior que perder um grande nome, dessesLeia mais

Compartilhar: