Produção agroecológica e orgânica

Armazém do Campo leva comida de cooperativas e agroindústrias da Reforma Agrária para Via Rural

O LONDRINENSE com Assessoria

O Armazém do Campo é um dos empreendimentos confirmados na Exposição Agropecuária de Londrina. Principal responsável pela comercialização urbana dos produtos da Reforma Agrária, o Armazém vai levar lácteos, grãos, farináceos, geleias, compotas e condimentos oriundos das agroindústrias do MST e de seus parceiros para a Via Rural/Fazendinha. Os produtos apresentados são orgânicos, agroecológicos e não-transgênicos.

“O Armazém do Campo é um empreendimento de abrangência nacional. Nós estamos nas principais capitais do país, como Rio, São Paulo, Recife, Belo Horizonte, Porto Alegre e São Luís do Maranhão, além de unidades no interior, como as de Londrina, Maringá e Cascavel, no Paraná”, comenta Ceres Hadich, coordenadora do Armazém do Campo em Londrina.

Para ela, levar produtos “Campo Vivo” para a Exposição 2022 é uma maneira de desmistificar o consumo de comida de qualidade a preço acessível e a própria produção da Reforma Agrária. “Hoje em dia, muita gente quer comer sem veneno. E esse também é um lema e uma preocupação do MST. Como trabalhadores do campo, nós entendemos que o Armazém tem competitividade no mercado e que a nossa produção dialoga com um espaço como a Exposição, demonstrando a diversidade que é o campo brasileiro”, comenta.

Cooperativas e Agroindústrias

Hoje, muitos produtos das Cooperativas da Reforma Agrária e Agricultura Familiar já estão disponíveis nas prateleiras dos mercados. Isso se dá, principalmente, porque o movimento tem atuado em agroindústrias e cooperativas como a Copran (Arapongas), Coana (Querência do Norte), Coopermate (Santa Maria do Oeste), Copavi (Paranacity), Copacon (Londrina), entre outras que beneficiam a produção dos agricultores em todo o país e levam derivados do milho e outros grãos, lácteos, alimentos in natura, como frutas, legumes e verduras e outros diversos produtos para o varejo.

“A produção dessas cooperativas vem garantir uma das nossas maiores metas que é aproximar a comida saudável das pessoas, e tornar o orgânico, o agroecológico, o não-transgênico e a agricultura familiar uma possibilidade ao alcance de todos”, comenta Ceres.

O Armazém do Campo estará presente na Exposição todos os dias da Feira (1 a 10 de Abril), no horário de funcionamento do parque. Para quem quiser conhecer a produção da reforma agrária, basta visitar o setor da Fazendinha/Via Rural e conferir o stand do Armazém do Campo. Outras informações também estão disponíveis nas redes sociais do Armazém (@armazemdocampo.londrina) e pelo telefone (43) 9 9992-2196.

Fotos: Wellington Lenon 

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.