Prefeitura promove vacinação antirrábica para animais de rua

Equipes da Sema, Assistência Social e Saúde irão até o Centro Pop conversar com as pessoa

O LONDRINENSE com assessoria

Na segunda-feira (13), a partir das 9h, a Prefeitura de Londrina vai realizar uma ação de vacinação antirrábica em animais de rua. Devem ser imunizados os cães e gatos de cerca de 30 pessoas, que são atendidas pelo Serviço Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro Pop). A ação será no próprio Centro Pop, que fica na Rua Dib Libos, 25, esquina com a Avenida Celso Garcia Cid.

A vacina é o único meio preventivo da raiva, doença viral com quase 100% de mortalidade. Apesar de ser uma enfermidade controlada no Brasil, ainda assim, ela é grave e pode ser transmitida para o ser humano por meio da mordida ou salina do cão ou gato contaminado. Pensando nisso, as Secretarias Municipais de Ambiente (Sema), de Assistência Social (SMAS) e de Saúde (SMS) se uniram para a ação.

Os profissionais do Centro Pop já conversaram com as pessoas em situação de rua, que têm cão ou gato, e fizeram o convite para que participem da vacinação. Durante toda a manhã, a veterinária da Sema e demais servidores da Diretoria de Bem-Estar Animal da Sema e do Centro Pop vão orientar os participantes sobre os cuidados básicos que devem ser tomados com os animais e, também, farão um exame clínico nesses bichos. Além disso, aqueles animais que não estiverem castrados vão ser cadastrados em um banco de dados da Saúde para que, posteriormente, sejam atendidos com a castração gratuita.

Para aqueles que não comparecerem na ação de segunda-feira (13) de manhã, na quarta-feira (15), os servidores públicos vão rodar os principais pontos da cidade para orientar esse público-alvo e tirar dúvidas sobre o assunto. Aproveitando o momento, uma equipe vai vacinar contra a raiva os cachorros e os gatos em situação de rua.

Segundo a pedagoga da Sema, Luciana Leite Monteiro, essa ação começou no Abril Laranja, realizado em Londrina. Naquela oportunidade, as profissionais da Sema já haviam conversado com a população em situação de rua que tinha algum animal de estimação e entregado um pouco de ração.

Agora, a etapa com vacinação antirrábica e o cadastro para a castração é um desdobramento da ação. “O Centro Pop atende a população em situação de rua e já tinha nos chamado para ver os cães e gatos dessas pessoas. Durante o Abril Laranja fomos até lá e começamos a parceria. Vimos que há uma relação de muito amor e carinho entre essas pessoas e os seus bichinhos, mesmo na dificuldade e na fome. Muitas vezes, elas preferem passar frio na rua a ir para o abrigo sem seu cãozinho”, contou Monteiro.

Pensando nessa situação, no decorrer do ano, os profissionais da Sema pretendem realizar outras ações como essa. Agora, eles estão trabalhando em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social para organizar um local que consiga acolher tanto as pessoas em situação de rua quanto seus animais. Para isso, a Sema vai vistoriar alguns espaços e está construindo casas para os cachorros e buscando mantas para cães e gatos. Outros municípios, como Cascavel e Balneário Camboriú, já ofertam esse serviço.

Foto: Vivian Honorato/N.COM

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.