Skip to content

Dia Internacional da uva Pinot Grigio. Já ouviu falar desta uva?

Por Edmilson Palermo Soares

O dia 17 de maio foi instituído como o Dia Internacional da Uva Pinot Grigio, casta que produz um dos vinhos brancos mais consumidos na Itália.

A uva Pinot Grigio, também conhecida como Pinot Gris, é uma variedade de uva branca que tem origem na região da Borgonha, na França. Acredita-se que a uva tenha sido resultado de uma mutação genética da uva Pinot Noir.

LEIA TAMBÉM

A Pinot Grigio é uma uva muito versátil e adaptável, o que faz com que ela seja cultivada em diversas regiões vinícolas ao redor do mundo. No entanto, é na região nordeste da Itália, que se destaca e produz vinhos de alta qualidade.

Por ser uma uva de maturação precoce, as regiões altas e frias são as que fazem a qualidade ser superior, porém com cuidados e controles maiores e menor produtividade por área plantada.

Pinot Grigio: aroma frutado e sabor refrescante

Os vinhos feitos com a uva Pinot Grigio são conhecidos por sua cor amarelo-palha, aromas frutados e florais, e sabores refrescantes e leves. Eles são geralmente secos e podem apresentar notas de frutas cítricas, maçã verde e pera.

A popularidade da uva Pinot Grigio tem crescido nos últimos anos, principalmente devido à sua versatilidade e capacidade de agradar a diversos paladares. Eles são ideais para serem apreciados jovens, acompanhando pratos leves e frescos, como saladas, frutos do mar, peixes grelhados e risotos.

É uma variedade muito apreciada pelos amantes de vinho branco, e sua história rica e versátil a torna uma das uvas mais populares do mundo delicados e sabores frutados.

17 de maio é o Dia Internacional da Uva Pinot Grigio, que produz um vinho branco leve e fresco, com boa acidez
Foto: Pixabay

Na região da Friuli-Venezia Giulia, os vinhos Pinot Grigio são geralmente frescos, leves e com boa acidez, o que os torna perfeitos para acompanhar pratos leves, frutos do mar e saladas. Alguns produtores renomados da região (Jermann, Livio Felluga e Marco Felluga) produzem exemplares de alta qualidade e reconhecidos internacionalmente.

Os vinhos feitos na Sicília são conhecidos por sua leveza, frescor e acidez equilibrada. Eles apresentam aromas frutados e florais, com notas cítricas e minerais. O clima mediterrâneo da Sicília proporciona condições ideais para o cultivo da uva Pinot Grigio, resultando em vinhos elegantes e refrescantes.

Na Puglia geralmente apresenta notas frutadas e frescas, com um toque mineral, sendo também leves e refrescantes.

Na Eslovênia, o Pinot Grigio é uma variedade de uva branca muito popular, especialmente na região de Primorska, que faz fronteira com a Itália. São conhecidos por sua acidez refrescante, aromas frutados e notas minerais. Os produtores eslovenos estão cada vez mais ganhando reconhecimento internacional por seus Pinot Grigios de alta qualidade.

Não perca tempo, abra uma garrafa e brinde a este dia!

Edmilson Palermo Soares

Enófilo, sócio proprietário da Confraria da Taverna, loja de vinhos e espumantes que traz novas experiências no mundo do vinho, estudioso e entusiasta, com conhecimento prático provando vinhos de mais de 20 países e diversas uvas desconhecidas do público em geral.

Me siga nas redes sociais: no Instagram @contaverna, Facebook Confraria da Taverna e Linkedin. Whatsapp (43)3324-1842.

Foto principal: Pexels

Leia todas as colunas do Mundo do Vinho

(*) O conteúdo das colunas não reflete, necessariamente, a opinião do O LONDRINENSE.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.