Skip to content

Biblioteca Pública sedia debate sobre o livro “Torto Arado” na próxima segunda (23)

A obra será objeto de estudo em palestra ministrada por duas mestrandas em Letras da UEL; a iniciativa ocorre em parceria entre a Diretoria de Bibliotecas Municipais e a universidade

O LONDRINENSE com assessoria

Mais um encontro do projeto Literatura na Biblioteca, que aborda e discute as obras literárias solicitadas pelo vestibular da Universidade Estadual de Londrina (UEL), será realizado nesta segunda-feira (23). Dessa vez, o livro em pauta é “Torto Arado”, de Itamar Vieira Júnior, e o evento terá início a partir das 18h30 na Biblioteca Pública Municipal, localizada na avenida Rio de Janeiro, 413, Centro.

Qualquer pessoa interessada em conhecer melhor e se aprofundar no universo do livro pode participar gratuitamente da palestra, que terá como ministrantes Barbara Trevisan e Fernanda Freitas. Elas são mestrandas do Programa de Pós-Graduação em Letras da UEL, instituição parceira da Diretoria de Bibliotecas da Secretaria Municipal de Cultura na realização do projeto.

Torto Arado: romance épico

“Torto Arado” é um romance brasileiro, editado em 2019, do autor baiano Itamar Vieira Júnior. Texto épico e lírico, realista e mágico que traz uma trama calcada em aspectos sociais ligados ao trabalho em condições análogas à escravidão no sertão baiano. A narrativa apresenta a história das irmãs Bibiana e Belonísia, que vivem em condições de escravidão contemporânea em uma fazenda na região da Chapada Diamantina.

No momento de análise da obra, as palestrantes irão apresentar os pontos mais importantes do livro, possibilitando depois uma roda de conversa e troca de percepções e comentários a respeito da história tratada.

Na análise da obra Torto Arado, os palestrantes vão apresentar os pontos mais importantes do livro. A obra faz parte das obras solicitadas no vestibular da UEL
Foto: Divulgação

A diretora de Bibliotecas da Secretaria Municipal de Cultura, Leda Araújo, destacou que a iniciativa teve início em 2017, sendo uma prática já consolidada e institucionalizada na programação cultural e educativa ofertada pelo Município. “Os encontros são semanais, às segundas-feiras, trazendo uma palestra e espaço para debate e diálogos junto aos participantes. O calendário prosseguirá e vai até as vésperas do próximo vestibular da UEL”, informou.

Para Araújo, o foco da ação é oportunizar e democratizar o acesso a um exercício analítico de criticidade sobre as obras literárias que são estudadas para a prova de vestibular. “As palestras são abertas a todo o público, facilitando o acesso principalmente àquelas pessoas que não conseguem ter acesso a um conteúdo mais aprofundado e de maneira crítica, e o palestrante contextualiza o período histórico, político e social do livro, dialogando com a realidade atual. A equipe de palestrantes, mestrandos cedidos pelo programa de Pós em Letras da UEL, também inclui nessa abordagem amplas características literárias e biográficas dos autores que escreveram as obras. Esse é um projeto profícuo e ao qual desejamos vida longa”, ressaltou.

De acordo com a coordenadora de Atendimento, Extensão e Eventos, Tatiane Santos, cinco encontros já foram realizados nessa atual temporada do Literatura na Biblioteca. Foram feitas palestras sobre os livros “Contos Novos” (Mário de Andrade), “Quarto de Despejo” (Carolina Maria de Jesus), “Histórias que os jornais não contam” (Moacyr Scliar), “O Rei da Vela”, de Oswald de Andrade, e “O Seminarista”, de Bernardo Guimarães.

A coordenadora ainda mencionou que cerca de 15 pessoas participam, em média, de cada palestra. E o público que não consegue comparecer presencialmente pode assistir aos vídeos posteriormente, na íntegra e a qualquer momento, pelo canal das Bibliotecas Públicas Municipais de Londrina no YouTube. A disponibilização das palestras em formato de vídeo foi implementada pelo Literatura na Biblioteca em 2023.

LEIA TAMBÉM –Roupa de trabalho: isso ainda existe?
Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.