Skip to content

Campanha oferece horários especiais para exame preventivo em mulheres

Já está disponível o agendamento on-line para coleta do Papanicolau nos dias 23 a 25 de março, na Policlínica Municipal, das 18h às 21h30

Para ampliar o número de mulheres atendidas pelo exame preventivo contra o câncer de colo de útero, a Prefeitura de Londrina vai realizar, na próxima semana, uma campanha especial. De quarta (23) a sexta-feira (25), a Policlínica Municipal Ana Ito abrirá no período noturno, das 18h às 21h30, para atendimentos mediante agendamento prévio. Para reservar o horário, é preciso acessar o link no Portal da Prefeitura e preencher o formulário com dados pessoais. O endereço da Policlínica Municipal é Rua Brasil, 1.032, centro.

Foto: Reprodução

A campanha prossegue nos próximos sábados, dias 26 de março e 2 de abril, quando as 40 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da área urbana vão abrir para efetuar o procedimento, das 8h às 17h. Para coleta do preventivo nestas datas, é preciso agendar o horário diretamente na UBS mais próxima da residência. Neste sábado (26), abrirão 19 unidades e, no próximo, outras 21 UBSs.

O exame de rastreamento do câncer de colo de útero, também conhecido como Papanicolau, permite o diagnóstico precoce da doença. Ele é indicado a todas as mulheres que já tenham iniciado a vida sexual, com idade de 25 a 64 anos, mesmo que não possuam nenhum sintoma. Homens trans também tem recomendação para colher o exame.

A coordenadora em Saúde da Mulher da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Priscila Colmiran, explicou que mulheres fora dessa faixa etária e com vida sexual ativa também podem realizar o exame. “Porém, os estudos indicam que quem possui o maior risco de desenvolver esse tipo de câncer são as mulheres de 25 a 64 anos. E vamos oferecer nesse horário diferenciado para atender as mulheres trabalhadoras, que não podem comparecer nas UBSs durante a semana, em horário comercial”, frisou.

Foto: Emerson Dias/Arquivo

Os dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que, no Brasil, em 2020, foram identificados 17.743 casos novos de câncer no colo do útero e 9.168 óbitos provocados pela doença. Como é um tumor de crescimento lento, causado por infecção do vírus HPV, a indicação é que o preventivo seja coletado todos os anos. Após dois anos de resultado negativo, se permanecer sem sintomas, o intervalo de coleta pode ser estendido para a cada três anos.

Um levantamento da Diretoria de Vigilância em Saúde da SMS apontou que, no ano passado, ocorreram em Londrina 17 óbitos provocados pelo câncer de colo uterino. Destes, nove eram mulheres de 15 a 49 anos e oito na faixa etária acima de 50 anos. Os dados parciais referentes a 2022 já registraram dois óbitos, entre 15 e 49 anos.

Segundo a enfermeira e coordenadora em Saúde da Mulher da SMS, a cobertura do rastreamento na faixa etária de 25 a 64 ainda não está dentro da meta proposta pelo Ministério da Saúde. E uma das dificuldades em aumentar essa cobertura está no fato de que muitas dessas mulheres são economicamente ativas, isto é, têm horários mais restritos por conta do trabalho.

“Ainda há um tabu sobre a questão de coletar esse exame, por mulheres que acham que o exame dói muito e optam por não fazer, por medo. E, também, muitas acreditam que, por não terem sintomas não precisam passar pelo exame nem procurar o serviço de saúde. São situações em que as mulheres cuidam muito dos outros, mas deixam de manter cuidados com a própria saúde. Na verdade, esse é um exame rápido e tranquilo, que gera um pequeno desconforto e nenhum efeito colateral. Também não oferece nenhum risco, muito pelo contrário, é de extrema importância que as mulheres coletem o preventivo”, frisou Colmiran.

Além de identificar se há lesões de câncer no colo do útero, a avaliação também pode auxiliar a diagnosticar outras condições de saúde, complementou a enfermeira. “Detectar o câncer de colo de útero de forma precoce representa chances altíssimas de cura, que podem chegar a 100%. E na avaliação para o exame também é possível encontrar sintomas causados por outras doenças, como as Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs)”, acrescentou.

Cronograma de abertura das UBSs para coleta de preventivo:

26/0302/04
TókioSanta Rita
BandeirantesPanissa
AlvoradaCabo Frio
Jd SolSantiago
GuaraveraCasoni
CentroGavetti
Vila BrasilGuanabara
CarnascialliVila Nova
CSUPadovani
ParigotAquiles
João PazChefe Newton
Campos VerdesVivi Xavier
Maria CeciliaUnião
EldoradoPiza
ItapoãSan Izidro
JamilePind
ErnaniCafezal
IdealArmindo Guazzi
Vila RicardoMarabá
Lindóia
Novo Amparo
Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.