Skip to content

A alegria do circo invade o Festival de Dança neste Dia das Crianças

Espetáculo infantil ‘Mirabolante’ será apresentado nesta quarta-feira (12) como parte da programação do Festival de Dança de Londrina; diversão garantida para crianças de todas as idades

O LONDRINENSE com Assessoria

As deliciosas lembranças dos carnavais de infância foram a inspiração para a premiada Confraria da Dança, de Campinas (SP), montar “Mirabolante – espetáculo de dança para crianças”, que será apresentado nesta quarta-feira (12), às 17 horas, no Teatro Ouro Verde, como programação especial do Festival de Dança de Londrina em homenagem ao Dia das Crianças. Os ingressos on-line estão sendo vendidos pela plataforma Sympla (sympla.com.br/festivaldedancadelondrina) a R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada). Crianças acima de 3 anos pagam meia-entrada. A classificação é livre.

No palco, os bailarinos Diane Ichimura e Marcelo Rodrigues tocam, cantam e dançam embalados por frevos, marchas, marchinhas e jogos de palavras. Nesse clima de um verdadeiro carnaval fora de época, eles brincam pra valer, disputam no bate-bola, dão vida a esqueletinhos e bonecões, criam até uma tourada maluca. Quase tudo é permitido entre os brincantes inventivos.  A dupla também ministrou no dia 11 a oficina “Dança, ação, uma pitada de emoção”, na Funcart, como parte da programação didática do Festival.

Com direção do reverenciado diretor carioca João das Neves (1934-2018), o espetáculo estreou em 2013 fazendo uma divertida reinvenção desta festa popular que remonta ao período colonial, quando as pessoas brincavam o carnaval nas ruas atirando farinha, água e lama umas nas outras. 

No final do século XIX, a brincadeira ficou mais “limpinha” e organizada com os primeiros Bailes de Máscaras nos salões e com o surgimento dos Cordões, Blocos, Ranchos e as Grandes Sociedades, onde grupos de foliões fantasiados saíam às ruas em cortejo dançando e cantando. 

O frevo surgiu neste mesmo período, resultado de uma mistura da marcha com o maxixe e elementos da capoeira. No início do século XX surgiram os Corsos de Carnaval, onde as famílias saíam com seus carros enfeitados de flores para desfilar e fazer batalhas de confetes pelas ruas. 

Nesta mesma época foram formadas as primeiras Escolas de Samba. O Trio Elétrico foi uma invenção mais recente; no Carnaval de 1950 a dupla de músicos Dodô e Osmar resolveu sair com um velho “Fordinho”, animando os brincantes das ruas ao tocarem instrumentos criados por eles, as guitarras baianas.

“Mirabolante” passeia pelo mistério dos mascarados e as brincadeiras de assustar, recria o clima de nostalgia das matinês, pulsa na dança rebuscada dos passistas, contagiando a todos com diversas mirabolâncias carnavalescas.

A Confraria da Dança foi fundada em Campinas (SP), em 1996. Seus projetos direcionados à pesquisa de linguagem, criação e manutenção de espetáculos autorais acumulam premiações da FUNARTE/Ministério da Cultura, Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo, Cultura Inglesa, APCA – Associação Paulista dos Críticos de Arte, SESI SP, entre outros. 

Mirabolante: espetáculo de dança para crianças – Confraria da Dança (Campinas – SP).

Dia: 12 de outubro (quarta-feira)

Horário: 17 horas

Local: Teatro Ouro Verde (R. Maranhão, 85)

Classificação indicativa: Livre

Valor: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada). Crianças a partir de 3 anos pagam meia-entrada

Bilheteria:

Ingressos para espetáculos:

R$20 e R$10 (meia-entrada)

Vendas Online:

Portal Sympla (já disponível): sympla.com.br/festivaldedancadelondrina

Vendas presenciais:

Teatro Ouro Verde

Rua Maranhão, 85

Horário de funcionamento: das 16 horas até o início do espetáculo

O Festival de Dança de Londrina 2022 é apresentado pela Copel, por meio do PROFICE (Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura da Secretaria de Estado e Comunicação Social e Cultura), com base nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, e tem patrocínio da Secretaria Municipal de Cultura de Londrina, por meio do PROMIC (Programa Municipal de Incentivo à Cultura). O Festival é uma realização da APD (Associação dos Profissionais de Dança de Londrina e Região Norte do Paraná), com apoio institucional da Casa de Cultura da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Conta ainda com o apoio cultural do Hotel Crystal e Rádio UEL FM.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.