Skip to content

Acordo de Sócios: detalhes precisam ser considerados

Por Evandro Ibanez Dicati

Em uma coluna anterior, tratei da distinção entre contrato social e acordo de sócios. Volto ao tema, desta vez focando especificamente no acordo de sócios das sociedades limitadas.

Este documento desempenha um papel crucial para garantir clareza e segurança nas relações empresariais, definindo os direitos, responsabilidades e expectativas dos sócios. Sua função vital é prevenir conflitos e promover o funcionamento harmonioso da empresa.

LEIA TAMBÉM

Diferentemente do contrato social, o acordo de sócios não requer registro na Junta Comercial, permitindo aos sócios reavaliá-lo com facilidade e fazer ajustes conforme necessário.

A extensão do acordo varia conforme a concordância dos envolvidos.

Pontos mais comuns de acordo são:

  • Distribuição de Lucros: Define a forma de distribuição, incluindo periodicidade e percentual do lucro gerado.
  • Função de cada Sócio na Empresa e as Exigências do Cargo: Aborda a questão de trabalhar na empresa, considerando a indispensabilidade de certos sócios e as implicações caso deixem de trabalhar.
  • Pró-labore, Férias/Licenças e Gastos dos Sócios: Estabelece regras para remuneração, condições para férias, licenças e reembolso de gastos, como viagens e cursos.
  • Contratação de Funcionários: Definir regras para evitar ou organizar a contratação de parentes ou amigos pela empresa.
  • Morte ou Invalidez de Sócio: Detalhar os mecanismos a serem acionados nessas circunstâncias.
  • Transferências de Cotas e Avaliação da Empresa: Estabelecer regras para a saída de um sócio, incluindo a transferência de cotas e a avaliação do valor a ser pago.
  • Financiamento Adicional: Definir as condições para a injeção de capital adicional, se necessário, e seu impacto nas participações dos sócios.
  • Governança Corporativa: Esclarecer o papel dos sócios em decisões estratégicas e em assuntos importantes para a empresa.
  • Exclusividade: Estabelecer restrições à participação em outras empresas similares que possam criar conflitos de interesse.
  • Tempo de Compromisso: Determinar a duração do compromisso dos sócios e as condições para retirada ou rescisão do acordo.

Esses são alguns dos aspectos analisados em um acordo de sócios. Outras situações podem ser discutidas conforme a vontade dos sócios.

Interessado em explorar mais?  Mande um e-mail para evandro@dicati.adv.br

O acordo de sócios é um documento que desempenha um papel crucial para garantir clareza e seguraça nas relações empresariais

Evandro Ibanez Dicati

Advogado e professor universitário. Bacharel em Direito; Pós-graduado em Direito Empresarial e em Direito Tributário; Mestre em Direito e Relações Econômicas. E-mail: evandro@dicati.adv.br Instagram  @evandrodicati

Leia mais colunas sobre Direito Empresarial

(*) O conteúdo das colunas não reflete, necessariamente, a opinião do O LONDRINENSE.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.