Skip to content

Grafatório recebe exposição do fotógrafo londrinense Gabriel Melhado

Evento de abertura terá entrada franca e irá ocorrer na sexta-feira (28), das 18h às 22h, com discotecagem da DJ Nate Mônaco

O LONDRINENSE com assessoria

Nesta sexta-feira (28), das 18h às 22h, será realizada a abertura da exposição Camaradas, do fotógrafo londrinense Gabriel Melhado, na Vila Cultural Grafatório (Rua Mossoró, 483). A entrada ao evento é gratuita e o público poderá circular livremente pelo local, que ainda receberá discotecagem da DJ Nate Mônaco e terá o Bar About aberto servindo bebidas. A exposição fica em cartaz até o dia 13 de maio, e o Grafatório abre de segunda a sexta-feira, das 14h às 19h.

A mostra Camaradas reúne 29 fotografias que Melhado realizou em Nova Iorque, enquanto estudava Prática Documental e Jornalismo Visual no International Center of Photography. As imagens documentais, registradas de janeiro a junho de 2022, retratam a reocupação das ruas da metrópole por alguns grupos revolucionários no período pós-pandemia. Neste período, Melhado fotografou a ação de partidos como o Party for Socialism and Liberation, Left Voice, International Marxist Tendency e o Revolutionary Communist Party, além de organizações que apoiam a causa palestina, como o Within Our Lifetime e o Neturei Karta.

Foto: Gabriel Melhado

A exposição também reúne cartazes, flyers, pôsteres, revistas, jornais, buttons e adesivos – materiais originais que circularam nas manifestações e atividades políticas que Melhado documentou. Foram produzidos, ainda, exclusivamente para a exposição, cartazes offset e serigráficos no próprio ateliê da Vila Cultural. Além disso, os visitantes poderão experimentar fazer uma impressão em uma pequena prensa tipográfica, reproduzindo um pequeno texto preparado para isso.

Na ocasião, também estarão à venda alguns materiais como impressões das fotos em fine art, os cartazes offset e serigráficos produzidos no Grafatório, além de cartazes em impressão digital e cartões postais. A Vila Cultural Grafatório conta com o patrocínio da Prefeitura de Londrina, por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

A mostra Camaradas tem expografia de Alana Gentil, Thaís Beckert e do próprio Gabriel Melhado. Quem assina a identidade visual é Thaís Beckert e as impressões das fotografias, em fine art, são de Eduardo Haguio (Ars Plana Graphica). As impressões em serigrafia e offset são de Edson Vieira e a iluminação da exposição é de Borracha Souza. A exposição conta com apoio do Grafatório.

Sobre o fotógrafo – Gabriel Melhado, natural de Londrina, é advogado trabalhista e fotógrafo documental com enfoque em questões sociais latino-americanas. Graduou-se em Direito pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) em 2017 e iniciou a prática advocatícia. No mesmo ano, cursou especialização em Comunicação Popular e Comunitária, na mesma instituição. Melhado então passou a fotografar a ação das organizações políticas atuantes em sua cidade natal, instigado pelos problemas sociais que o rodeavam, e depois de uma temporada vivendo e fotografando na Itália, em 2018, voltou ao Brasil e focou na fotografia.

Jornais como Brasil de Fato e Folha de Londrina publicaram seus trabalhos. Em 2019, iniciou seu primeiro trabalho de longo prazo, “Flores do Campo” (ainda em desenvolvimento), no qual documenta a juventude da Ocupação Flores do Campo, um dos bairros mais estigmatizados de Londrina.

Em 2021 e 2022, após ganhar uma bolsa de estudos, cursou Prática Documental e Jornalismo Visual no International Center of Photography (ICP), em Nova Iorque. Sua série Camaradas integrou a exposição coletiva Shifting Selves no ICP e o fotolivro Edited, publicação alemã. Vive atualmente em São Paulo e trabalha como fotógrafo no Museu da Casa Brasileira. Segue com seu projeto “Flores do Campo” e realiza trabalhos como freelancer.

Foto: Gabriel Melhado

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.