Skip to content

Meu noivo faz tudo que a mãe dele quer

Por Telma Elorza

“Estou noiva há um ano e planejamendo meu casamento para o final de 2024. O problema é que minha sogra está interferindo muito e meu noivo chega a brigar comigo para que façamos do jeito que ela quer. Ele diz que não pode desrespeitar a mãe, se negando a fazer a vontade dela porque diz que ela sempre sonhou em vê-lo numa cerimônia perfeita. Como os pais dele estão bancando a festa, acabo sendo derrotada. Estou irritada, frustrada e nada está saindo como EU sonhei. O que faço?”

Minha amiga, vou lhe contar um segredo: o casamento é para o homem e a mulher. São os dois que vão formalizar perante a sociedade a construção de uma nova família. Nem pai, nem mãe, nem sogros ou qualquer outro familiar ou amigo têm direito de interferir nas decisões do casal. Mesmo que banquem a cerimônia, a festa, a lua de mel e até dêem uma casa de presente. Ponto. Esse momento deve ser do casal. Qualquer outra opção é fletar com a tragédia.

Você tem que ter em mente que o casamento é mais que uma festa luxuosa. É (ou deveria ser) uma construção de uma relação socioafetiva onde as decisões têm que ser debatidas, onde ambos são ouvidos e onde chegam a uma conclusão em conjunto. Menos que isso, tem tudo para dar errado.

Cá entre nós, um homem que apoia mais a mãe do que a mulher que ele escolheu para companheira talvez seja um problema futuro na sua vida. Se, em uma situação dessas, onde os dois deveriam ser ponto focal, ele fica contra você, imagine em outras situações futuras onde o casal terá que tomar decisões importantes, como a criação dos filhos. Faça um exercício de imaginação: você quer que seu futuro filho estude em um colégio e a mãe dele, em outro. Quem vai ganhar o apoio do seu noivo?

Converse com seu noivo

Por isso, aconselho seriamente que você tenha uma conversa definitiva com seu noivo. Ele precisa entender que vocês estão formando uma nova família, onde os dois devem ser “os chefes” dela. Ou seja, devem fazer como VOCÊS sonharam, não como a mãe dele sonhou. E que, se o dinheiro for o fator decisivo para ele pender para o lado dela, talvez seja o caso de reformular tudo, abrir mão dos luxos e fazer as coisas mais simples, mas com a “cara” de vocês.

Se, mesmo assim, ele continuar insistindo em dar preferência à opinião da mãe, fia, sinto muito, mas caia fora dessa relação. Ele vai sempre um “filhinho da mamãe”. E se hoje você já se sente irritada e frustrada, a tendência é só piorar. Melhor ficar sozinha agora, antes de formalizar essa união, e encontrar uma pessoa, depois, que a respeite e valorize como parceira. Porque casamento é isso, parceria. Se seu noivo não a vê como parceira agora, não é um cerimônia, um “papel passado” que vai mudar a situação.

Espero ter ajudado.

Tem dúvidas sobre relacionamentos? Mande suas perguntas para telma@olondrinense.com.br

Quem é a Tia Telma

O noivo da leitora não respeita as suas opiniões e dá razão sempre à mãe. O que você faria no lugar dela?
Tia Telma versão Inteligência Artificial

Telma Elorza é jornalista, divorciada e adora dar pitaco na vida dos outros. Mas sempre com autorização.

Siga O LONDRINENSE no Instagram

Arte: Mirella Fontana

Leia mais colunas do Consultório Sentimental da Tia Telma

(*) O conteúdo das colunas não reflete, necessariamente, a opinião do O LONDRINENSE.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.