Skip to content

Meu marido escondeu bens materiais de mim

Por Telma Elorza

“Estou casada há 20 anos, tenho dois filhos que já estão na faculdade. Durante todo esse tempo trabalhei e muito para ajudar na despesas de casa, sempre economizando no que podia e o que não podia. Agora, por um acaso, descobri que tem investimentos e imóveis em nome da mãe, que é muito simples e humilde. Deixei de fazer várias coisas, não ia a salões de beleza, não comprava nada para mim e ele guardando tudo que podia. Me sinto traída. O que faço?”

Olha, minha querida, eu posso lhe assegurar que você tem toda razão em estar indignada e se sentindo traída. Seu marido não teve e não tem boas intenções com isso. Ele abusou da sua boa fé e quis construir um patrimônio às suas custas. Isso, para mim, é indicativo de mau caráter. Se eu fosse você, corria procurar um advogado especializado na área de Família para garantir seus direitos. Ele pode conseguir, judicialmente, uma quebra de sigilo bancário do seu marido e da sua sogra, para comprovar que houve má-fé. Aproveite e peça o divórcio, porque isso, na minha opinião, é mais do que motivo.

E que isso sirva de lição para as mulheres que estão num casamento ou pensam em se casar. Um casamento deve ser construído na base da confiança, sim. Porém, não seja totalmente confiante em se tratando de questões financeiras. Os dois devem administrar as contas em conjunto, a mulher deve ficar sabendo de toda a renda que entra e sai, quais despesas, quais investimentos. Porque, se um dia houver uma separação, geralmente quem sai perdendo é a esposa. É preciso ficar esperta, principalmente quando há um patrimônio que foi construído durante a relação. Mesmo que a mulher não trabalhe, ela ajudou o homem a fazê-lo, ficando em casa, cuidando dos filhos.

No caso da leitora, eu acho que houve uma grande crueldade por parte do marido, um cara que acho que merecia ser chicoteado em praça pública. Como ela confiava nele, acreditou que passavam dificuldades e se esforçou além dos limites para ajudá-lo, enquanto ele devia estar rindo por dentro. Eu não sei nem se é possível ela recuperar esse dinheiro enquanto estiverem casados. Mas quem ficaria com um homem assim, que planejou isso ao longo de 20 anos, pelo amor de Deus?

Tem dúvidas sobre relacionamentos? Me mande um email para  telma@olondrinense.com.br

Quem é a Tia Telma

Telma Elorza é jornalista, divorciada e adora dar pitaco na vida dos outros. Mas sempre com autorização.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.