Skip to content

Dia Mundial do Café: vamos comemorar

Bebida faz sucesso e é a segunda mais consumida no mundo

O LONDRINENSE com assessoria

Nesta sexta (14), comemora-se o Dia Mundial do Café, uma data em que a indústria cafeeira celebra a bebida e os processos que envolvem toda a cadeia, desde os cultivos até como chega à mesa dos consumidores.

Uma peculiaridade interessante da segunda bebida mais consumida no mundo é a maneira de como é servida pelo mundo e os ingredientes utilizados em seu preparo, como manteiga, melaço de cana, gengibre, manteiga ghee, leite condensado e até sal.

O barista André Luiz Luzio, da Sterna Café, rede nacional de cafeterias premium, compartilha as particularidades de algumas culturas e dá dicas de como preparar algumas variações interessantes da bebida. O especialista utilizou cafés especiais, mas explica que também pode ser preparada com cafés tradicionais.

Austrália
Os inventores e grandes consumidores do café gelado tomam o Flat White. Seu preparo pode ser feito na máquina de espresso, uma dose dupla de ristreto, total de 30ml, ou com o café coado tradicional. Deve-se fazer um creme leve com 210ml de leite e acrescentar, com uma colher, um pouco da espuma. Para a versão gelada, basta fazer num copo com gelo.

China
Aqui a diferença fica por conta do melaço de cana, caramelo ou calda, que é adicionado, uma colher (sopa) ao café coado ou expresso. A aparência fica um pouco parecida com o chá, bebida tradicional do país.

Cuba
Pode-se utilizar uma cápsula de café expresso com um pouco de açúcar demerara. É feito na máquina de expresso, colocando o demerara diretamente na porta filtro e extraindo uma dose dupla da bebida Cuban Coffe. A mistura traz mais doçura a bebida.

Dinamarca
Café com sal. Por conta da intensidade de cafeína dos grãos que lá existem, coloca-se o sal (sal kosher não tem iodo) para quebrar o amargor. Uma pitada de sal na xícara e coloque o café coado. Quanto maior a intensidade do pó, maior quantidade de sal. O sal precisa ser cristalizado e não refinado. Isso ressalta a doçura da bebida.

Estados Unidos
Na terra do Tio Sam, os cafés costumam ser mais suaves, porque são consumidos em grandes quantidades. Pode ser feito na prensa francesa, como também no coador ou expresso. Para o preparo, acrescente ao café pronto (2 xícaras), já no copo, uma colher (sopa) de caramelo salgado e uma xícara de leite, que precisa estar levemente cremoso.

Etiópia
Muitas especiarias são utilizadas para o café da Etiópia. Moa tudo junto: canela, gengibre, cravo e anis estrelado, separe uma colher (sopa) e misture com uma xícara do café que preferir. É uma verdadeira explosão de sabores.

Singapura
Este preparo traz energia ao longo do dia. Uma colher (sobremesa) de leite condensado, misture com uma xicara de café coado e ½ colher (sobremesa) de manteiga ghee. Misture normalmente e está pronto para ser degustado.

Foto: Freepik

Em Singapura usa-se leite de iaque, um tipo de mamífero da Ásia, que misturado ao café mais intenso, proporciona vigor mais prolongado. Lá costuma-se tomar pela manhã e pode ser gelado, sendo preparado em um copo com gelo. Boa dica para pré-treino físico.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.