Skip to content

Desunião no underground londrinense?

Por Rogério Rigoni

Fala, meninos e meninas do ROCK!

Pois é, o underground londrinense é foda (no mal sentido, mesmo!). Não tem quase banda nessa cidade e as poucas que tem não aparecem, nem em mídia social, não tem uma página decente no Youtube (bom, isso eu até desisti de escrever) e, quando aparecem, é para abrir para bandas de fora do eixo londrinense. É uma desunião.

Tudo bem que Londrina é tratada como um lixo cultural, mas as bandas daqui poderiam se comunicar com as bandas de fora e fazerem um festival de respeito nessa cidade (Viva Curitiba!) Será que não tem ninguém para brigar nessa cidade? Não adianta eu ficar escrevendo matérias e matérias sobre isso se a galera não se ligar. Juntem as bandas e os lugares que abrem espaço para as mesmas tocarem e vamos fazer um festival de 3 ou 4 dias, cobrando um preço módico para as apresentações porque público tem para isso. Bom o público também tem que valorizar as bandas locais senão não tem jeito. (Viva Curitiba!).

Apesar da Secretaria de Cultura nos deixar jogado as moscas, com uma boa briga nós conseguiríamos realizar esse sonho, chacoalhar essa cidade que está criando teia de aranha e botar pra fudê!

Mas sinceramente não sei o que acontece aqui, em Londrina. Tanta gente metida a besta, tanta gente que acha que tem o rei na barriga, tanta gente que se acha a “intelectual”. Nos anos1990, tinha um grupinho de “artistas” que se achavam tanto que só eles se acreditavam espertos e ninguém podia se aproximar deles, “os artistas de Londrina”. E agora? Cadê eles? Essa cidade é uma piada mesmo!

Enquanto a população “se achar”, isso aqui vai continuar uma bosta, pior do que já está. É sempre os mesmos que aparecem, não tem nada de novo nessa cidade (Viva Curitiba!)

Desunião total

Eu só sei que é uma desunião total e não só na música. É em tudo, como eu escrevi na coluna passada, sobre Cadê a cultura? Cara, eu nunca vi minha cidade tão abandonada culturalmente e ninguém se mexe!

As bandas não saem do lugar e cadê as bandas londrinenses? Apareçam, dêem o ar da graça. No porão vocês não são vistos. Criem outras bandas, façam acontecer!

A desunião marca o cenário musical undeground de Londrina. Aqui, ninguém se mexe pra fazer um festival, muito menos se preocupam com a própria divulgação
Luana Santana e Hugo Ubaldo, do 43Duo – Foto: Divulgação

Em Curitiba, existem tantas bandas originárias de vários embriões. Elas não param nunca, têm integrantes que tocam em até três bandas diferentes das suas próprias. Por que Londrina não pode ser assim? Londrina podia se tornar o interior do ROCK!

Um bom exemplo de iniciativa é o 43Duo, de Paranavaí. Eles têm um trampo incrível, correm atrás, movimentam suas páginas virtuais, correm atrás das webs rádios mandando suas músicas. Inclusive já vão lançar seu segundo single do novo disquinho, a Luana entrou em contato comigo para eu entrar em contato com a Antena Zero para tocarem seu primeiro single e já me mandaram tudo, clip, música em MP3, e com endereço de APP em qual a música já está disponível.

Eu mandei o primeiro single para o Walcar, da rádio Rock Master, e já no dia seguinte a música foi para o ar. Aprendam com o 43Duo. Valeu Walcar, bjos Luana e esposo, vocês são FODAA! Muito sucesso para esse trio, o duo que arrebenta e o Walcar pela divulgação.

Só um adendo: se alguém me perguntar “por que você não muda para Curitiba”? Meu caro, se eu pudesse, já estaria lá!

BORA PRO ROCK!

Rogério Rigoni

O povo londrinense tem memória curta e vota errado. A cultura está esquecida na nossa cidade, que já foi um grande centro cultural

“FALA, MENINAS E MENINOS DO ROCK”! Assim começa o programa o DNA Rock Brasil, pela radio web Antena Zero, de São Paulo! Sou um dos apresentadores e falo do que amo desde que me conheço por gente: música! E se for autoral, melhor ainda! E já que não tive uma banda, me realizo falando e escrevendo sobre rock and roll! Punk de alma e de coração, vivendo em paz ! E…BORA PRO ROCK! Me sigam no Instagram: @historias_de_rock

Foto: 43Duo/Divulgação

Leia mais colunas DNA do Rock

(*) O conteúdo das colunas não reflete, necessariamente, a opinião do O LONDRINENSE.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.