Tia Telma Responde – É possível encontrar o amor quando se gosta de ser amamentado com leite?

“Olá, me chamo Maurício, tenho 33 anos, e estou num dilema: é possível encontrar um amor quando se gosta de ser amamentado com leite?”

A dúvida chegou pro email. E eu fiquei pensando nas experiências negativas que esse rapaz já deve ter passado na vida por ter o fetiche de amamentação adulta, também chamada de lactofilia, e ainda não encontrado o amor. Gente, como assim? Mulherada, o que vocês andam fazendo que deixam passar um bebê desses?

Enfim, não é todo mundo que curte lactofilia, lactação adulta ou amamentação erótica. Uma pena, porque, como expliquei nesse artigo aqui, é um fetiche bem comum. Aliás, o artigo é recordista de comentários e leitura em todo o jornal. Acredito até que o leitor que lançou a pergunta queria fazê-lo nos comentários e errou, mandando para o meu email.

Mas, já que foi parar no email, vamos responder. Caro leitor, é claro que é possível encontrar o amor mesmo com o fetiche. A maioria das mulheres ADORA ter os seios sugados com carinho e ficam muito felizes em receber muita atenção na área. São poucas as que têm incômodo ao ter os bicos dos seios sugados e lambidos. Claro que pode acontecer, já que algumas mulheres podem ter extra sensibilidade no local e isso pode significar dor em vez de prazer. Mas posso afirmar que 90% das mulheres curtem carícias, carinhos e sucção nos seios. Ou seja, a probabilidade de encontrar uma mulher que goste bastante está a seu favor.

Pelo que percebi nos comentários do artigo sobre amamentação, há grupos dedicados à lactofilia e muitas mulheres dispostas à prática até com desconhecidos. Talvez seja o caso de você, leitor, procurar se informar sobre esses grupos. Inclusive deixaram, em algum lugar nos comentários, um site específico sobre o assunto. Veja lá. Quem sabe não encontra sua cara metade?

Isso não impede, no entanto, que conheça mulheres fora de grupos e apresente as delícias da prática. Pode ser uma descoberta para elas. Ter um cara sugando seus seios por bastante tempo parece a realização de um sonho. Se os dois combinarem, gostarem da prática e estiverem dispostos a continua, é possível até estimular a lactação sem gravidez. Mas, no caso, recomendo procurar um ginecologista para ajudar.

Só fique atento ao seguinte: qualquer fetiche é bom e saudável DESDE que ambos concordem, gostem e que não substitua totalmente o sexo entre os dois. Se isso acontece, algo não vai bem e é preciso buscar ajuda psicológica. No mais, divirta-se na busca.

Mande suas perguntas para o email telma@olondrinense.com.br

Telma Elorza

Jornalista profissional, palpiteira e galhofeira. Adora dar pitaco na vida dos outros enquanto vai levando a sua na flauta.

Foto: Valeria Boltneva no Pexels

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *