Seu Dia a Dia – Vai viajar, abastece com álcool ou gasolina? Entenda a regra dos 70%

Virada do ano e as férias tão esperada. O destino já está definido, revisão geral do carro, freios, suspensão, pneus e etc. Conferidos se todos os documentos necessários estão reunidos e as últimas checagens feitas para pegar a estrada. Mas é preciso ainda abastecer o carro no posto mais próximo.

Surge a dúvida: coloca álcool (etanol) ou gasolina?

Certamente, já ocorreu diversas ocasiões em que pensou a respeito. Afinal, quando vale a pena utilizar o álcool ou gasolina? Um dos critérios para abastecer o carro Flex leva em conta o preço versus desempenho do carro.

Sabe-se que a gasolina tem um consumo menor e dessa forma oferece maior autonomia com menos paradas no posto, favorecendo viagem mais longa.

É muito comum decidir pelo combustível de acordo como custo do km rodado, ou seja, calcula-se quanto km rende por litro e compara o preço de cada combustível, uma conta fácil de se fazer.

Mas, também, existe outro jeito mais simples de fazer esse conta. Como seria? Calcula-se a relação do preço do álcool em relação ao preço da gasolina, que é conhecida como a “regra dos 70%”.

Repare que esta explicação muitas vezes é estampada em placas nos postos de combustíveis.

A diferença é determinada a partir do consumo entre os dois combustíveis, uma vez que o álcool aproximadamente rende 30% a menos que a gasolina.

Um exemplo: se o litro da gasolina custar R$ 4,00 e o álcool em R$ 2,80 o índice resulta em 70% (divisão do preço: R$ 2,80 por R$ 4 resulta em 0,7). Assim, tanto faz optar por um ou por outro combustível.

Por outro lado, se o índice for abaixo de 70% (0,7) compensa colocar álcool e se for acima de 70% (0,7) melhor pensar na gasolina.

Trata-se de apenas uma simples análise, mas que pode ajudar bastante na racionalidade quanto a opção do combustível ideal.

No entanto, a diferença de consumo entre o álcool e a gasolina pode variar em função das características do motor e do próprio combustível.

Da mesma forma, esse índice pode oscilar bastante devido aos preços praticados na região que se encontra.

Fica a dica, faça o teste, não tem como errar.

Desejo uma excelente semana!

Cláudio Chiusoli

Professor de Administração na UNICENTRO – Universidade Estadual do Centro Oeste /PR. Economista formado pela UEL. Pós-doutor em Gestão Urbana pela PUCPR. Facebook: fb.me/claudio.luiz.chiusoli
Instagram: @claudio.chiusoli
Linkedin: https://br.linkedin.com/in/claudio-chiusoli-50819531
Mande sua sugestão ou dúvidas para prof.claudio.unicentro@gmail.com. Acompanhe meu canal do YouTube

Foto: Artyom Kulakov no Pexels

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *