Ranking mostra: Londrina fica em 1º. na máquina pública, mas perde em economia e sociedade

A análise feita pelo Ranking de Competitividade dos Municípios mostra que o Município precisa investir em áreas sensíveis como geração de emprego e saúde

Telma Elorza

O LONDRINENSE

A Prefeitura de Londrina obteve o primeiro lugar no pilar Funcionamento da Máquina Pública, aferido pelo Ranking de Competitividade dos Municípios, organizado pelo Centro de Liderança Política (CLP),
com apoio da Gove e patrocínio do Sebrae. Pela análise, publicada esta semana e feita com os 405 maiores municípios do Brasil, as grandes deficiências de Londrina estão em áreas que preocupam: economia e sociedade. No ranking, Londrina ocupa a 262ª colocação no indicador de tempo para abertura de empresas, 248ª no crescimento do PIB per capita e a 239ª, no acesso à educação. Também fica em 179ª colocação no acesso à saúde e 223ª na segurança. No ranking geral, entre todos os municípios analisados, ficou em 42ª posição, bem atrás de Maringá (22ª posição).

A análise completa pode ser acessada no Ranking de Competitividade dos Municípios. Composto por 55 indicadores distribuídos em 12 pilares e 3 dimensões – Instituições, Sociedade e Economia.

O primeiro lugar para Londrina no pilar Funcionamento da Máquina Pública se justifica pelo desempenho nos indicadores de qualificação do servidor e transparência municipal (2ª e l ª colocação, respectivamente). O município ocupa posições medianas nos indicadores de custo da máquina pública (60ª em custo da função administrativa e 38ª em custo da função legislativa).

Veja os índices de Londrina

PILARES E DIMENSÕESNOTACOLOCAÇÃO
Sustentabilidade fiscal53,7879
Funcionamento da máquina pública89,901
Acesso à saúde68,64179
Qualidade de saúde76,9182
Acesso à educação27,94239
Qualidade de educação65,8975
Segurança81,90223
Saneamento e meio ambiente93,6738
Inserção econômica38,88114
Inovação e dinamismo29,7842
Capital humano29,5673
Telecomunicações44,97205

Dos 55 itens analisados, confira os melhores e os piores indicativos de Londrina:

BASE DE RANK/ OS 5 MELHORES 
DESEMPENHOS DE LONDRINA
NOTACOLOCAÇÃO
Transparência municipal1001
Destinação do lixo1001
Qualificação do servidor87,042
Empregos no setor criativo36,6117
Dependência fiscal77,1817
BASE DE RANK/ OS 5 PIORES
DESEMPENHOS DE LONDRINA
NOTACOLOCAÇÃO
Mortalidade nos transportes77,79334
Morbidade nos transportes77,15316
Crescimento dos empregos formais16,61311
Cobertura da atenção básica44,39296
Taxa de investimentos13,64282

Para o presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL), Fernando Moraes, o resultado não surpreende, principalmente no indicador de tempo para abertura de empresas, que reflete na geração de empregos formais. “Não adianta tentar desburocratizar os processos se temos um Plano Diretor travado. Tudo para ali. Hoje é muito difícil montar em uma empresa na cidade”, diz. Segundo ele, o Município depende muito do IPTU para se manter, enquanto a arrecadação de outros impostos perde para cidades bem menores. Precisamos de um Plano Diretor eficiente para que, linkado com o MasterPlan, tenhamos um trabalho eficaz de desenvolvimento da cidade, para os próximos 30-40 anos”, afirma.

Foto: Rafael Bastos

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *