Procon-LD fecha lojas da Cash Auto em Londrina

Equipe O LONDRINENSE

O Procon-LD lacrou as duas lojas de Londrina da startup Cash Auto na manhã desta quinta-feira (28). Conforme O LONDRINENSE já havia noticiado, a empresa deixou de pagar os clientes que venderam seus veículos a ela.  Apenas na tarde de ontem,  o Procon recebeu nove reclamações e hoje suspendeu na cidade as atividades da empresa,que também tem lojas em Curitiba e Maringá.
De acordo com Gustavo Richa, coordenador do Procon-LD, a empresa só poderá retomar suas atividades após honrar seus compromissos com clientes e fornecedores. A Cash Auto também não pode fazer novas transações de compra e venda de carro, sob pena de pagamento de multa de R$ 10.000,00 por dia.

A Cash Auto vem deixando de cumprir seus compromissos com os clientes desde o final de 2018 e mesmo assim continuava a fazer novos negócios. Ela se comprometia a vender o carro em 50 minutos, mas pagava menos por conta disso. Os clientes assinavam o recibo de venda do veículo com a promessa de, em poucos dias, receber o valor total.

Na Polícia Civil de Londrina, pelo menos 30 clientes registraram boletim de ocorrência contra a empresa. Na semana passada, o promotor de Defesa do Consumidor Miguel Sogaiar abriu procedimento para apurar o caso e expediu notificação para que os representantes legais fossem prestar esclarecimento. Alguns clientes lesados conseguiram na Justiça a recuperação dos veículos.

O LONDRINENSE está tentando o contato com a empresa e/ou seu advogado. Assim que obter retorno, atualizaremos.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *