Moda Plus Size de verdade nas passarelas da NYFW

Eu me lembro de quando saía com amigas gordas para comprar roupas nos anos 90 e só era possível encontrar peças cujo corte mais lembrava um saco de batatas, com estampas e cores sofríveis e tecidos de fazer chorar. Eu mesma, na época em que mais engordei, já nos anos 2008, tive bastante dificuldade para encontrar roupas, não só que coubessem em mim, mas que fossem bonitas, estilosas e dessem gosto de vestir. Por essa razão, vivia usando a mesma bata preta ou batas indianas – sempre com calça preta de tecido ou jeans escuro.

A situação melhorou bastante de uns anos pra cá. Aqui em Londrina já é possível encontrar roupas plus size, ou de tamanhos maiores (leia-se 48 pra cima), bacanas em lojas de shopping não especializadas. Nas araras mesmo, junto das roupas de numeração menor, normalizadas, roupas para corpos também normais – e não apenas roupas que mais parecem ter saído da sessão infanto-juvenil.

Nas passarelas esse movimento ainda é limitado. Depois de uma enxurrada de erros por parte de designers que apresentavam modelos e roupas como plus size, mas que na verdade eram mulheres com barriga chapada usando tamanho 42/44, finalmente temos visto mulheres maiores e mais gordas nas passarelas, ainda que de forma bastante segmentada.

Na última edição da New York Fashion Week (que quase nunca apresenta desfiles PS), quem arrasou com modelos de tamanhos maiores foi a Rene Tyler, uma designer especializada em pluz size que vive em Las Vegas e que tem recebido atenção por fazer roupas bonitas e estilosas.  A única estilista, aliás, a apresentar um desfile inteiro de roupas com tamanho maior e com modelos plus size de verdade na NYFW.

A blogueira fashion Alissa, do blog Stylish Curves, que acompanha todos os lançamentos do universo da moda, chegou a dizer que se surpreendeu quando as modelos entraram na passarela e se empolgou tanto que quase bateu na cabeça da pessoa que estava sentada à sua frente. Segundo ela, foi o desfile que realmente roubou a cena do evento. Ou seja, ainda é um choque até pra quem entende tanto do assunto!

Essa coleção da Rene Tyler se chama Noir Et Blanc (preto e branco) e foi inspirada no estilo parisiense, com muita elegância e corte clássicos, mas também com muita personalidade. Dá gosto de olhar as peças de corte impecável e tecidos fluidos ou que realçam a silhueta. Eu amei o desfile e não vi uma única peça que não tenha enchido meus olhos. Eu as usaria, com prazer. Isso é plus size de verdade e de dar gosto!

Fotos: Divulgação de marca


Ana Paula Barcellos
Formada em História pela UEL, trabalhou 10 anos como escritora para blogs e sites sobre cultura e lazer. Atualmente, trabalha com marketing digital e pesquisa de tendências e, junto com Angela Diana, é proprietária da Rosita, marca de acessórios.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *