Mais uma vez, Sercomtel é operadora de telefonia fixa e celular pré-pago mais bem avaliada

A  Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL) divulgou ontem o resultado da Pesquisa de Satisfação e Qualidade Percebida 2018. O levantamento, realizado de 9 de julho a 16 de novembro por meio de 103.445 entrevistas com os consumidores dos serviços de banda larga, telefonia fixa, celular pré-pago, pós-pago e TV por assinatura, demonstrou que a Sercomtel obteve os melhores índices de Satisfação Geral em telefonia fixa e celular pré-pago no Paraná. O nível de confiança da pesquisa é de 95%, com margem de erro (a priori) de 5%. 

Desempenho da Sercomtel

        Entre notas de 0 a 10, o serviço de telefonia celular pré-pago da Sercomtel ficou no topo da satisfação dos clientes paranaenses com 7,78, seguido pela Claro (7,39) e Oi (7,29). De acordo com o relatório da Anatel, este serviço tem apresentado melhorias consistentes desde 2015 e, em 2018, se igualou à TV por assinatura na Satisfação Geral. 

        No Paraná, a Sercomtel também se destacou no quesito Satisfação Geral da telefonia fixa e empatou com a Claro no primeiro lugar do ranking com 7,85 pontos. Na segunda e terceira posições, respectivamente, ficaram a Tim (7,62) e a Vivo (7,32). Neste serviço, a média da avaliação subiu de 6,92 para 7,11 na Satisfação Geral. Em relação à qualidade percebida, houve melhora em todos os indicadores. 

        Para o presidente da Sercomtel, Cláudio Tedeschi, o resultado da pesquisa é “reflexo da alta qualificação dos profissionais, da baixa rotatividade na empresa e da proximidade entre os clientes e a operadora.”     
Pesquisa

        A pesquisa realizada anualmente pela Agência com os clientes analisa o desempenho das operadoras de acordo com a Satisfação Geral e sete indicadores (atendimento telefônico; canais de atendimento; capacidade de resolução; cobrança/recarga; funcionamento; oferta e contratação; e reparo e instalação) que compõem a Qualidade Percebida. 
        Em 2018, as maiores notas em todos os serviços foram obtidas por prestadoras de menor abrangência. 

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *