Londrina recebe maior ação cívica do mundo para limpeza de resíduos

No sábado, o município estará entre as 1.200 cidades brasileiras a receber iniciativa. No ano passado, o projeto engajou 200 mil voluntários que retiraram cerca de 2 mil toneladas de lixo ilegal em 363 cidades do país

O LONDRINENSE com assessoria

Londrina recebe, no sábado (21), a segunda edição do Dia Mundial da Limpeza, World Cleanup Day, considerada a maior ação cívica da história. A concentração será na Av. Higienópolis, 311, entre as ruas Piauí e Pio XII, a partir das 8 horas.

O projeto uniu cerca de 18 milhões de pessoas em 157 países que realizaram a limpeza simultânea das cidades no ano passado. No Brasil, a ação é organizada pela parceria entre Instituto Limpa Brasil – Let’s do It!  e Teoria Verde. Os interessados em participar da ação podem se cadastrar diretamente pelo site do Instituto Limpa Brasil pelo link. A edição 2019 ainda terá um incentivo aos participantes que concorrerão ao sorteio de um carro 0km doado pela Gooders, startup de engajamento social que oferece recompensas e fomenta negócios de impacto.

Cerca de 1.200 municípios brasileiros aderiram à iniciativa neste ano. O número é praticamente o triplo da primeira edição, quando a ação foi realizada em 363 cidades do país. Em 2018, 200 mil voluntários foram engajados na atividade que retirou 2 mil toneladas de resíduos de praias, rios, praças, parques, avenidas, ruas e terrenos.

Edilainne Muniz, coordenadora do Limpa Brasil, enfatiza que sair às ruas e limpar nossas cidades é um exercício prático de cidadania.”Mais do que isso podemos verdadeiramente entender melhor nosso papel quanto ao cuidado e a preservação do meio ambiente.”

O projeto coletivo começou na Estônia, no ano de 2008. Na época, 50 mil pessoas se reuniram para limpar o lixo despejado ilegalmente em terrenos baldios do país inteiro em apenas cinco horas. Esta ação cívica, que reduziu o problema daquele país em 75%, foi realizada por voluntários e os organizadores nomearam de “Let’s Do It!” (Vamos fazer isso! em português). O sucesso da ação no país do leste europeu se espalhou pelo mundo e, hoje, são mais de 158 países que organizam limpezas baseadas no mesmo modelo.

“Temos ainda grandes problemas quanto ao descarte inadequado na nossa cidade, de um modo geral não fazemos a relação de causa e efeito que o ‘lixo’ tem nas nossas vidas”, diz. Edilainne Muniz afirma que os impactos são enormes e extrapolam a esfera ambiental. As consequências podem ser vistas na social e na econômica também, e este problema não é só da cidade de São Paulo, é uma realidade nacional. 

“Enquanto não entendermos que assim como o problema, a solução também é de responsabilidade compartilhada. Sem a união do estado, setor privado e sociedade, o problema não será resolvido”, afirma. O caminho é possível. Na Eslovênia, por exemplo, mudanças no comportamento da população para o manuseio do lixo mudou radicalmente em todo o país e a capital, Ljubljana, está prestes a se tornar a primeira capital com Desperdício Zero do mundo.

O Instituto Limpa Brasil é uma organização sem fins lucrativos que tem como objetivo promover a conscientização da população brasileira para o problema do descarte irregular do lixo urbano por meio da realização de projetos integrados que envolvem a sociedade civil, o setor privado e os órgãos do governo. 

O Teoria Verde é uma organização voltada para a educação social nas questões ambientais por meio de informação e desenvolvimento de projetos. Realiza ações de limpeza voluntárias, palestras educativas em escolas e membro do movimento Let´s do it! com uma rede em 150 países.

Dia Mundial da Limpeza

Para participar é bem simples: basta se cadastrar no site www.limpabrasil.org. Com a inscrição, o participante ganha moedas Gooders que poderão ser utilizadas por descontos em diferentes empresas parceiras. A Gooders é um programa que recompensa quem faz o bem por meio da ajuda ao planeta.

Foto: Divulgação

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *