HU deverá instalar 40 novos leitos por determinação da Justiça Federal

Ministério Público Federal (MPF)e a Justiça Federal estabeleceram o prazo de dez dias, para que sejam implementados 40 novos leitos de estrutura semi-intensiva de Covid-19

Mirella Fontana
O LONDRINENSE

Por determinação do Ministério Público Federal e da Justiça Federal O Hospital Universitário (HU) de Londrina deverá implementar, no prazo de dez dias, 40 novos leitos de estrutura semi-intensiva de Covid-19.

Também ficou estabelecido que a União e o Estado também deverão repassar R$ 9 milhões para instalação desses leitos, devendo a primeira parcela, de R$ 2,25 milhões, ser liberada também em dez dias. As outras três parcelas no mesmo valor devem ser liberadas a cada 30 dias.
Na decisão, ficou estabelecido que a União deverá repassar ao HU R$ 1,6 mil a título de diária, assim que os leitos entrarem em funcionamento.

O MPF salientou que embora tenha havido anuência do Estado do Paraná ao projeto de aumento do número de leitos de UTI do hospital, já se passaram 10 dias e nenhum leito entrou em funcionamento.

Em Nota a Secretaria de Saúde do estado do Paraná afirma, “A SESA irá cumprir integralmente a ordem judicial exarada pelo magistrado responsável no processo em questão, envidando os maiores esforços, como sempre fez e faz, para que os cidadãos paranaenses tenham acesso à saúde da forma mais ágil e qualificada possível”.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *