Com PS superlotado, HU só receberá casos de covid moderados e graves até meia noite

Ofício encaminhado à Central de Leitos solicitou o encaminhamento apenas de casos da doença

Telma Elorza

Em ofício encaminhado à Central Reguladora de Leitos, a diretora clínica do Hospital Universitário da Universidade Estadual de Londrina (HU-UEL), Luiza Kasuko Moriya, comunicou o fechamento do Pronto Socorro Médico do hospital, por 12 horas, por causa da superlotação. No ofício, a diretora clínica comunicou que o PS está 156% da capacidade ocupada e, portanto, solicitou que a Central só encaminhe para lá casos de covid suspeitos ou confirmados, nas categorias moderado e grave. O fechamento começou às 12 horas desta terça-feira (23).

Segundo a assessoria de imprensa do Hospital, o PS Médico atende todas as especialidades e a Central Reguladora encaminha pedidos da cardiologia, neurologia, nefrologia, entre outras. Com o ofício, de acordo com a assessoria, esses pedidos devem ser encaminhados para outros hospitais de Londrina e região.

Na manhã desta terça, o hospital já havia divulgado uma nota apresentando os números atualizados de ocupação de leitos de internação Covid-19. A enfermaria está com 110% da capacidade de leitos ocupada e as UTIs Adultas, 97% de ocupação.

Na nota, a direção do hospital lembrou que a taxa de ocupação de leitos de enfermaria covid tem se mantido em sua integralidade, desde 14 de fevereiro. E pede à população que respeite o cumprimento das medidas sanitárias que visam à redução da transmissão da doença.

Foto: HU/UEL

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *